quarta-feira, 23 de julho de 2014

[0976] Quem conheceu, conheceu (e soube-lhe a pouco); quem não conheceu, continuará a não conhecer... Com um abraço ao Mic Dax, pelo uso da foto

Mindelo, 1965 - Foto enviada por José Fortes Lopes

7 comentários:

  1. Até agora não consigui perceber o porque da demolição desta esplanada "Pic Nic", na Praça Nova para construir no seu lugar um urinol. Foi uma falta de imaginação e pura vontade de destruir; os dois bem poderiam conviver ali perfeitamente

    ResponderEliminar
  2. Foi um dos muitos crimes de "ptá na tchom" do longo historial desse tipo no Mindelo. E nada o substituiu. O quiosque é muito interessante e deve ser preservado mas não é a mesma coisa.

    Braça não destrutiva,
    Djack

    ResponderEliminar
  3. Amanhã, seguirá aí para casa material Virgiliano.

    Braça,
    Djack

    ResponderEliminar
  4. amigos nesta foto pode-se observar que o pic-nic tinha pinta. Mas mudam-se os tempos mudam-se os gostos. 'Too bad' para S. Vicente com essas loucuras de demolições

    ResponderEliminar
  5. Eu também fiquei surpreendido quando soube que o Pic Nic foi demolido para dar lugar a um urinol. Pergunto é se foi antes ou depois da independência, e a pergunta não é inocente.

    ResponderEliminar
  6. Quando sai deixei o Pic Nic, quando voltei, além do urinol, encontrei o Eden Park.
    Ë a politica de "Tude pa tchom"

    ResponderEliminar
  7. Tenho quase a certeza de que foi depois, mas não logo, até pelo aspecto pseudo-moderno da coisa. Cabe lá um ctchada de mindelenses, em companhia do Monte Cara. Fiquei espantado com o tamanho daquilo, lembrado do velho cubículo do canto do Eden Park que dava para a rua da casa dos aviadores, desaparecida com a construção do Hotel Porto Grande.

    Braça sem pupu,
    Djack

    ResponderEliminar