quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

[1375] Deputado Emanuel Barbosa (MpD) visita comunidade cabo-verdiana nos Açores (envio do próprio para Pd'B)

Nota de Imprensa de 17-02-2015

O deputado Emanuel Barbosa, eleito pelo círculo eleitoral da Europa e resto do mundo, concluiu, no dia 17 último, uma visita à Região Autónoma dos Açores, iniciada no dia 14, durante a qual pôde contactar com a comunidade cabo-verdiana, radicada na Ilha de São Jorge, e encetar alguns contactos institucionais.

Na tarde do dia 14, sábado, encontrou-se com um grupo de Cabo-verdianos residente em Ponta Delgada. Durante o encontro foram debatidos vários assuntos que têm implicação directa no dia-a-dia destes emigrantes. Ainda, nesse mesmo dia, esteve no programa radiofónico da Associação dos Imigrantes nos Açores “O Mundo Aqui”, conduzido por William Maninho Nascimento e produzido com o apoio da Antena 1. Neste que, segundo os seus responsáveis, é um programa que “pretende ser, essencialmente, um espaço de diálogo entre povos e culturas” o deputado pôde versar sobre várias questões atinentes a Cabo Verde e à sua Diáspora.

A agenda do deputado para o dia 16, segunda-feira, contemplou dois encontros institucionais. O primeiro, no período de manhã com Paulo Mendes, presidente da Associação dos Imigrantes nos Açores – AIPA – serviu para Emanuel Barbosa se inteirar da situação da comunidade e reflectir com este dirigente associativo o modelo do associativismo que as associações cabo-verdianas na diáspora vêm seguindo, bem como os desafios que se lhes colocam nos próximos tempos e a necessidade de se encontrar uma nova forma de colaboração com o governo de Cabo Verde para que melhor possam servir as comunidades cabo-verdianas espalhadas pelo mundo.  

No período da tarde, o deputado cabo-verdiano fez uma visita de cortesia ao deputado Regional Cláudio Almeida, também, presidente da JSD-Açores, que o recebeu na delegação da Assembleia Legislativa dos Açores na Ilha de São Miguel. Numa conversa muito proveitosa, ambos os deputados realçaram a importância das relações entre os dois arquipélagos e os seus povos.

Emanuel Barbosa dá-se por satisfeito com o resultado da visita, a primeira que faz a este arquipélago, que tão bem tem acolhido os cabo-verdianos. 





2 comentários:

  1. Tanto Cabo Verde como Açores têm algo partilhar. Ilhas atlâtidas que falam a mesma língua, com alguns costumes parecidos e gentes da mesma origem.
    Vejo açorianos nos ajudando, nomeadamente, na agricultura e na pecuária. Em que podemos ser útil? Assim, à primeira vista, não sei mas há sempre algo a dar na terra da morabeza... (Fora bazofaria. Ahahaha !!!

    ResponderEliminar
  2. Boa iniciativa. Estive 2,5 anos nos Açores e foi uma oportunidade para recuperar a condição de ilhéu. Gostei muito dessa experiência. De facto, há muito de comum entre os dois povos.

    ResponderEliminar