sexta-feira, 15 de julho de 2016

[2268] "Cais de Pedra" de Nuno Miranda chegou hoje de manhã ao Pd'B, mas com bónus...

Já cá está e agora só falta a parte melhor: a leitura. E que dizer daquele começo... "Boquinha da noite é quando os montes de Sãocente  amortalham o horizonte. Sob o chicote de um vento desuspêrado que não muda de rumo àquela hora da noite, a ilha é um hidra de tentáculos misturados sob formas expressivas (...)"
Quem qu'rê sabê más, qu'ta bá comprál e despôs lêl...



2 comentários:

  1. Tive o privilégio de receber o livro com a dedicatôria do autor hà uns pares de anos. Se falamos frequentemente pelo telefone, hà algum tempo que não o vejo. Ainda na terça-feira passada, tive-o por uns minutos.
    Esperemos que o Nuno nos acompanhe ainda por algum tempo.

    ResponderEliminar
  2. Como vos disse durante o nosso Encontro, o Nuno teve o que parece ter sido um ligeiro AVC, segundo contou a esposa, que é médica. Mas não se sabe bem se foi AVC o problema original ou se tudo não foi consequência de ele ter caído e batido com a cabeça num guarda-fato. Tenho falado com ele ao telefone e conversa sem problema, embora um pouco mais lento.
    Boa ideia, Djack, lembrar aqui esse livro do Nuno.

    ResponderEliminar