sábado, 20 de maio de 2017

[2969] Um fotógrafo gaulês no Mindelo, na transição do século XIX para o XX

O homem estava na cidade há algum tempo, quando fez esta foto em papel de luxo e com um cuidado gráfico que só alguém vindo de lugar bem cosmopolita era capaz de realizar. Dois manos (?) desconhecidos, exactamente em 1900, o ano em que Eça de Queirós morreu, fotografados pelo Maximilien Baumont. Claro que quem mais percebe destas coisas é o Djô Martins, como AQUI se pode ver...


2 comentários: