quarta-feira, 21 de junho de 2017

[3016] "Ó Djosa, já bô podê morrê, lá lá lá lá lá!!!"

Ver AQUI

8 comentários:

  1. Neste caso, compreendo a falta de comentários: está tudo com medo de canilinha e gongom, ahahaha, mais nha Marquinha e dezôte dôs ôte...

    Braça com BUHHHHHHHHH!!!
    Djack

    ResponderEliminar
  2. Acho bem a decisão de criar o Instituto de Medicina Legal. Mas para que servirá se tudo o resto é o que sabemos?
    A gravura/pintura é boa mas as pessoas do cortejo parecem ser de Santiago pelo estilo e pelos fatos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Mindelo nunca poderia ser, porque para se ir passar uma temporada eterna no 18-2-8 não se sobe nenhum morro; e também não é na Praia. Trata-se dos States, algures por aí, New Orleans, mais ou menos. Lá vai o jazz-band à frente, o verdadeiramente morto no esquife (neste caso não um Djosa mas um Joe) e o resto das tropas (familiares e amigos) atrás.

      Braça sulista,
      Djack

      Eliminar
    2. Thank, Djack, pelo esclarecimento sobre a pintura.

      Eliminar
    3. A propósito da pintura:

      .."La vai o jazz -band..."

      "ECOS & NOTICIAS"
      El senôr cura no lo quiere

      Dizem-nos de New Bedford: Falece nesta cidade, Carlota de Chatu, da Praia, casada com Matias Ramos, de S. Nicolau. Foi sua ultima vontade que uma banda de musica a acompanhasse a sua ultima morada, desejo que não se efectuou, porque o cura da igreja Caboverdiana, recusou sob pena de o caixão -- uma urna que custou 500 dólares -- não entrasse na igreja.
      Na America, os padres exercem um despotismo feroz sobre as famílias católicas. So faz o que quere o Sr Cura"

      A VOZ POPULAR 1911 / NEW BEDFORD

      Eliminar
  3. Respostas
    1. Repito o que o Adriano disse. Parece que o Artur tinha esta cartada debaixo da manga, à espera de aquela notícia sair. Grande sentido de oportunidade. Um braça para o Artur e que esteja sempre atento e colaborativo como agora, pois isso só melhorará esta praia.

      Um braça, MESMO!
      Djack

      Eliminar