domingo, 16 de junho de 2013

[0481] Ontem, na Cova da Piedade e Almada, realizou-se a esperada homenagem ao poeta Jorge Barbosa - 1

A homenagem a Jorge Barbosa teve início pelas 15h00 de ontem, na Cova da Piedade (Almada), junto ao prédio em que o poeta das ilhas faleceu (Rua Mário Sacramento,  66). Estavam presentes a Senhora Embaixadora de Cabo Verde, Dr.ª Madalena Neves, o Dr. Domingos Rasteiro, Director Municipal de Desenvolvimento Social da Câmara Municipal de Almada, o Dr. Armando Correia, responsável pelos Serviços Culturais do município, Joaquim Saial e Fernando Fitas, membros da comissão organizadora do evento, e muitos cabo-verdianos (entre os quais vários sócios da Associação dos Antigos Alunos do Ensino Secundário de Cabo Verde em Lisboa e da Associação Caboverdeana da mesma cidade) e portugueses admiradores da obra do autor de Caderno de um Ilhéu.

Em posts sucessivos, será dada continuidade à reportagem. A cada um destes posts irão sendo acrescentadas fotografias feitas por outras pessoas presentes, à medida que chegarem ao PRAIA DE BOTE. Por isso, sugerimos aos nossos visitantes que vão dando novas vistas de olhos por todos os posts que a partir de agora forem sendo colocados no PB.

Poeta e jornalista Fernando Fitas e Dr. Domingos Rasteiro (Câmara Municipal de Almada) - Foto Joaquim Saial

Eng. Rui Machado (esq.) e o Dr. Alberto Carvalho e esposa - Foto Joaquim Saial

Dr. Guilhere Chantre - Foto Joaquim Saial

Fernando Fitas, Dr. Armando Correia (Câmara Municipal de Almada) e António Policarpo - Foto Joaquim Saial

Doutores Nominanda Fonseca, José Luís Hopffer Almada e Guilherme Chantre - Foto Joaquim Saial

Descerramento da placa - Foto Fernando Fitas

Foto Fernando Fitas

Foto Fernando Fitas

Foto Fernando Fitas
A Sr.ª Embaixadora de Cabo Verde, no uso da palavra, junto à placa já descerrada - Foto Joaquim Saial

5 comentários:

  1. Saudações, meu caro...Creio que você con seguiu "levar a carta a Garcia" e parece que só haverá a lamentar a ausência de qualquer familiar do homenageado, nomeadamente do filho, Jorge Pedro...
    Felicito-o elo cometimento, e agradeço o esforço e o interesse na minha qualidade de caboverdiano por devoção.
    Abraço fraterno,
    Zito

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente não puderam estar os filhos que no entanto mandaram mensagens de agradecimento pela homenagem ao pai e por mim foram transmitidas ao público durante a terceira parte do evento, o conjunto de palestras sobre a vida e obra do poeta, uma das quais esteve a meu cargo.

      Durante a preparação para o evento que ontem teve lugar mantive-me sempre em contacto com as filhas Solange e Zilda e na sala estavam cinco ou seis primas e uma sobrinha do poeta. Nada mau, portanto.

      Braça,
      Djack

      Eliminar
  2. Uma reportagem feita com a meticulosidade e o amor que o Joaquim coloca em tudo o que faz. Lamento eu ser parte das ausências aqui notadas, mas a vida neste momento não me permite a ubiquidade que eu desejaria.
    Jorge Amado estará agradecido, onde quer que ele esteja, pela homenagem que lhe foi feita e pelo coração grande e sensível do Joaquim Saial.

    ResponderEliminar
  3. Juntou-se um conjunto de vontades e a coisa fez-se. É a comissão que tem os louros todos. Fui apenas um dos elementos da mesma. O escritor, poeta e jornalista Fernando Fitas foi outro, bem como o poeta e jurista José Luís Hopffer Almada, pela Associação Caboverdeana e diversos dirigentes da Câmara Municipal de Almada. A Embaixada de Cabo Verde também desempenhou papel crucial. Quanto à ideia inicial, a mesma partiu do Nuno Rebocho, escritor, poeta, jornalista e radialista radicado na Cidade Velha.

    ResponderEliminar
  4. Daqui das terras gaulesas, sem poder deslocar-me, só podia enviar ao meu Amigo "Djack" um GRAND MERCI pelo que tanto contribuiu para que este dia fosse grande para os Portugueses, enorme para os Cabo-verdianos e muito merecido para o homenageado. Acrescento ainda as minhas calorosas felicitações pelo sucesso que teve o evento, abrilhantado pela presença de dignos Representantes Nacionais e não menos importantes admiradores do poeta Jorge Barbosa.
    Um abraço que só se dá por Amizade

    ResponderEliminar