terça-feira, 15 de outubro de 2013

[0598] Comércio antigo do Mindelo

COM ESTE POST, O Pd'B ATINGE O NÚMERO DE 299 POSTS PUBLICADOS NO ANO DE 2013 - O MESMO DOS DOIS ANOS ANTERIORES JUNTOS. AMANHÃ, COM O POST 0599 E DEPOIS COM O  0600, QUE LANÇAM PARA O AR DUAS "CRÓNICAS DO NORTE ATLÂNTICO" ATRASADAS, ESSE NÚMERO SERÁ ULTRAPASSADO

E acabamos aqui de espremer o programa da revista teatral levada à cena no Eden Park em Novembro de 1943 (oferecido pelo Adriano Lima, repetimos), com a divulgação de vários anúncios de casas de comércio mindelense da época. Estes, serviam para pagar o dito programa editado pelo grupo cénico ou pela empresa do Eden Park, coisa que não conseguimos apurar mas que para o caso também não interessa. Deixámos propositadamente a indicação do nome da gráfica na primeira imagem, pequena indústria local, da qual alguns saberão dizer algo.







7 comentários:

  1. Do Gabriel Borges, do Kahn e do Antonio R. Gomes (Toi Pombinha) lembro-me bem... O que me espanta é que o Gabriel afirmasse que a sua casa era a que mais CARO vendia...Seria alguma estratégia comercial, ou simples gralha da Tipografia? Quanto à casa Machado & Jesus, creio que se trata de Rui Machado e Manuel de Jesus que já conheci depois desta sociedade, respectivamente, na Casa Machado e na Casa Benfica...Será?

    ResponderEliminar
  2. Ou como diz o outro, "sou demasiado pobre para comprar coisas baratas". Isto é, teoricamente, o que é caro é bom... Mas lá que é estranho, é!...

    Braça com carteira recheada,
    Djack

    ResponderEliminar
  3. E o Zito já me estragou o "negóce", pois queria fazer um concurso a partir do nome real mas menos conhecido do Tói "Pombinha". Tudo estragado, tudo estragado...

    Braça com "estou tramado",
    Djack

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Peço imensa desculpa mas para a proxima aconselho que avise por mail...De resto, fui muito amigo do Toi Pombinha (como o sou dos filhos) a quem, aliás, vendi a minha colecção de livros policiais da Colecção Vampiro, a 5$00 por exemlar, em 1974! Foi na minha primeira despedida do Moindelo, na véspera de Natal, que haveria de festejar em Leiria, com bacalhau demolhado que minha mãe trazia na bagagem...Tempos dificeis!

      Eliminar
  4. Tambem conheci o proprietário (sócio?) da Soc. de Tipografioa, um tipo interessante, de nome Fia, o tal que tinha no escritótirio o célebre aviso:

    AVISO
    ESTA TIPOGRAFIA NÃO FIA
    O Gerente,
    Fia






    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Destes comerciantes, só me lembro bem do Toi Pombinha, em cuja loja comprei material escolar. Por acaso, fui amigo chegado de um dos seus filhos, o Ilídio.
      Soubeste aproveitar bem e até à medula a substância dos prospetos, Joaquim. Parabéns!

      Eliminar
  5. Venham mais programas suculentos como este que eu trato deles. Espremidos moda manga di terra atirada à parede para amadurecer...

    Braça programática,
    Djack

    ResponderEliminar