quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

[0730] Dia 6 (amanhã), dia 7 (dia de grande festa) e dia 8 (cerrar do pano), comemorações do 3.º aniversário do Praia de Bote

Grandiosas (ou muito mas muito mais que isso...) comemorações do 3.º aniversário do blogue "Praia de Bote" 

Carreiras de Portugal, Santo Antão, Santa Luzia (Transcagarraexpress) e São Nicolau para o Mindelo (avião, vapor, veleiro, bote e jangadas de borracha e madeira) estão já esgotadas para esses dias. Pd'B sabe que ainda se conseguem alguns bilhetes para bóias com motor nas lojas de armadores da Praia de Bote e no mercado negro nas traseiras da Torre de Belém (executados por Djosa de nha Bia numa tipografia clandestina na Ruberinha Trás de Cadeia). Devido a este problema gerado pelo facto de haver milhares de pessoas sem transporte e desejosas de estarem a horas na Rua de Lisboa, onde vão ter lugar os festejos, vários grupos estão a organizar viagens colectivas a nado. O grupo mais numeroso está a concentrar-se em Lisboa e tem cabo-verdianos (ou aderentes) vindos de Almada, Queluz, Aveiro, Tomar, Tours, Génova e Holanda.

Programa:

Dia 6 - Selecção de fotografias recentes e inéditas de São Vicente e do Mindelo.
Dia 7 - Texto delicioso de Junho de 1934 que mostra "como são altas as cubatas de Lisboa"...
Dia 8 - Concurso extraordinário do Praia de Bote - extraordinário e dificílimo...

4 comentários:

  1. Olha, Djack, tu vais tramar-te se não satisfizeres as expectativas. Uma sobrinha minha acabou de me telefonar grinhassim de Merca que a comunidade cabo-verdiana de Boston está a preparar voos charters. E então reagi assim: O que é, estarei a ouvir bem? E ela, sim tio, garanto-lhe. E eu retorqui: então vocês andam a visitar o PdB e não dão a cara, não dizem uma palavrinha, não mandam sequer uma mantenha ao Djack? E ela, ó tio, é que estamos destreinados no português... E eu, pondo fim à escrepa: Mas ó menina, bsot podê falá criolo, ma criolo de Soncent, claro. Mas se for badio meme assim ca tem probléma porque alguém ta traduzi. E, pronto, foi assim.

    ResponderEliminar
  2. Essa malta de New Bedford e de Brockton é do melhor. São os chamados Verdian McDonald, gente boa que muito tem dado ao Pd'B. Ainda a semana passada chegou aqui à redacção uma carta com 10 000 dólares de doações. Deste modo, seguindo o teu conselho, espero não os desiludir, oh yes, isto é, oh yeah!

    Braça à americana,
    Djack

    ResponderEliminar
  3. GRAÇAS A DEUS QUE A BOA DISPOSIÇÃO AÍNDA NÃO PAGA IMPOSTO!

    ResponderEliminar