segunda-feira, 19 de maio de 2014

[0879] A 21 de Maio, quarta-feira, no Seixal - Encontro com Joaquim Saial e com o crioulo de Cabo Verde


2 comentários:

  1. Bem, não estarei là mas tenho a certeza que não vai haver alupekismos.
    Isso não dà para mornas (...nem para outra coisa, aliàs)
    Braça cultural

    ResponderEliminar
  2. Val, o alupequismo é um fenómeno estranho à matriz da língua portuguesa. O crioulo é, sim, um derivado, mas o alupek não.

    ResponderEliminar