sábado, 18 de outubro de 2014

[1115] Mindel, "ess cidade vróde pa munde". Uma bela surpresa, um belo poema.

A nossa cidade, a nossa gente, um filho crioulo sabim que não precisa de jogar boxe com o pai português (ou "mãe", já que falamos de língua) e a nossa sempre querida Praia de Bote. Um luxo! É ouvir e reouvir!...

2 comentários: