quinta-feira, 27 de agosto de 2015

[1646] Jogo, joguinho, vândalo, vândalozinho... (ver post anterior)

O jogo e a vandalização do pedestal da estátua de Diogo Afonso (um entre muitos) datam do mesmo dia, 24 de Abril de 2014. A fotografia foi feita pelo meu amigo Nelson Fortes Lima em 22 de Janeiro de 2015.

Ou seja, em nove meses, não houve uma alma COM RESPONSABILIDADES que mandasse alguém pegar num balde, numa escova e num esfregão e limpar aquela porcaria. E, se calhar, a "vitoriosa" inscrição ainda lá está! Caso para dizer "se fosse eu, a coisa seria diferente". Só que infelizmente, não sou nem serei...


4 comentários:

  1. Efectivamente isso faz parte de vandalismo que é o sucesso dos falhados da vida.
    Comprendo que isso não agrade a ninguém. Nem mesmo a um grande benfiquista.
    Pode-se desafiar o fotografo a ir là com o material em nome de um adepto vermelho

    ResponderEliminar
  2. Isto são coisas de sportinguistas, pela certa!
    Braça verde
    Zito

    ResponderEliminar
  3. Claro que eu não teria descoberto onde foi escrita a vitória do Benfica. Lamentável, lamentável. Desculpo o energúmeno que o fez, mas o que não se compreende é o desleixo da Câmara.

    ResponderEliminar
  4. A limpeza e o tratamento regular deste monumento de Diogo Gomes deve fazer parte de uma rotina. O monumento de resto precisa de outro tratamento: uma base condigna para o pedestal, algumas plantas ornamentais etc. Quando é que começamos a fazer as coisas com o mínimo de qualidade?

    ResponderEliminar