segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

[1817] "Bota" ou "Bote"? (ver post anterior)

Parece que a coisa leva caminho e a balança pende para o Bote e não para a Bota... com razão, aliás, pelo menos se pegarmos o assunto pelo lado da lógica. "Bota" deve ser corruptela crioula de "Bote", pois não consta que a zona tenha sido marcada pelo fabrico de calçado. Pelo contrário, sabe-se que foi sítio de feitura de botes. E mais: acho que a edição do postal ilustrado da versão "Bota" terá contribuído para o perpetuar do engano, pois é a mais antiga representação do nome que conheço, de cerca de 1900, mais coisa, menos coisa.

Há a versão "Bota" em livros recentes, mas esta deve ter bebido no postalinho ou no crioulo em que o "Bota" está mais arreigado. Acontece muito perpetuar-se uma designação errónea, por motivos tão simples como esse. É que um postal ilustrado nessa época não era coisa de somenos para ser génese de um caso destes. Ver tanto "Bote" como "Bota", daria decerto ao falante crioulo maior gosto em optar pela segunda. Mas isto é um leigo da linguística a falar, baseado apenas em suposições. Seja como for, aqui ficam cinco versões de Ribeira BOTE. Também as há de Ribeira Bota, claro, mas acreditamos mais nestas que ora colocamos e em muitas outras que vimos mas que tornariam cansativo o post para nós e para os visitantes.

Emblema do Sport Clube Ribeira Bote, vencedor da Taça de São Vicente na época de 2002-2003

Não cremos que o clube tenha uma designação errada do seu bairro no seu próprio emblema, Seria uma asneira imperdoável. BOTE, portanto.


Em 31 de Julho de 2013, Charlene Patrícia Brito da Graça, do Curso de Gestão Hoteleira e Turismo do Departamento de Ciências e Tecnologias da Universidade do Mindelo, entrega a sua monografia para obtenção do grau de licenciatura em Gestão Hoteleira e Turismo. Eis o título da mesma: "O Turismo Comunitário - Estudo de Caso: Ribeira Bote".
Também não cremos que a estudante esteja enganada. Quem estuda um "caso", sobretudo a nível universitário, fica a saber como esse "caso" se designa, com exactidão: BOTE, de novo.


O título de um filme da autoria da RTC (Televisão de Cabo Verde) de 3 de Janeiro deste ano é: "Ribeira Bote em São Vicente invadida pelo desfile dos mandingas". 
É a televsão do país, presume-se que sabe exactamente como se chama um dos bairros de São Vicente. BOTE, ainda.


Notícia do DNNB de 5.10.1959. O Vitorino era de Ribeira Bote

E a escola n.º 7 do Mindelo é na Ribeira Bote. Podemos acreditar que o nome está errado? Seria algo absurdo.

Ficamo-nos então por Ribeira Bote e pelos seus botim que deram muito peixe à ilha. Quem não gostar, que lhe chame Ribeira Bota, também é nome sabim. E agradecemos aos que no post anterior deixaram a sua colaboração (e eventualmente deixarão neste), o que é sempre de realçar.

5 comentários:

  1. Apoiado, Djack, ainda mais depois da tua exaustiva e convincente argumentação. Calcemos então uma bota do clube Derby e apliquemos um valente pontapé na equívoca designação. Com que então queriam enxovalhar os nossos botes, nós que muito nos ufanamos de andar de remo na mão!...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E já lá diz o velho ditado, inventado mesmo agora, apoiado na tua prosa: "Quem desdenha de BOTE leva um chuto e vai a TROTE"...

      Braça com botes, ribeiras e praias,
      Djack

      Eliminar
  2. Sempre gostaria que alguém me explicasse o estranhíssimo (ou talvez não) emblema do S.C.Ribeira Bote...
    Braça embaraçado
    Zito

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Zito, também achei estranho o dito emblema, embora o seu maior interesse para o caso que eu explicava fosse a palavra "Bote". Um homem a dançar e aquilo que talvez seja uma garrafa de grogue tão forte que deita chamas, pode talvez ter explicação em que o clube nasceu com funções mais de diversão e que entretanto terá evoluído para o desporto. Mas isto é apenas suposição minha. Se houvesse um sócio do clube que aqui viesse explicar de facto o que aquilo significa, é que era bom.

      Braça com Saturday Night Fever e Grease,
      Djack

      Eliminar
  3. Eu não tive uma sensação tão lúdica pois a primeira imagem que me pareceu ver foi a de um lançador de "cocktails molotov"...Daí, a minha estranheza!
    Braça, em chamas
    Zito

    ResponderEliminar