quinta-feira, 16 de junho de 2016

[2203] Praparando os inícios de uma ou várias cachupas em São Vicente

É mesmo "De Parys" e não "The Paris". A rua ainda lá está em Bedford (ver AQUI), no Leste da Inglaterra e aqui a mostramos. Para a dita street foi o postalinho, com a cozinheira da família são-vicentina e seus ajudantes. Dirigido a Mrs. Wells que lá morava... E se percebi bem o inglês, refere-se a fracas caçadas...




6 comentários:

  1. Lembro-me perfeitamente de mulheres assim trajadas da Rbera Bote, Monte Sossego e mesmo da Chã do Cemitério onde morava Nha Sabina mãe do grande violista Hilàrio (acompanhante de B.Leza), avô da Ofélia (cantora e dona de restaurante) e do Djosinha (Djosinha de Nha Sabina), violista que acompanhava o Luiz Morais em Dakar.
    A curiosidade é ver o pilão, à porta, nesse tipo de casa que tinha sempre um quintalinho. Mas, para o folclore...

    ResponderEliminar
  2. Além do Pilão que é dum tronco de madeira, junto a porta esta uma pessoa dobrado para frente a acender o fogareiro a carvão (vê-se o fumo branco). Pela intensidade da luz, e pela inclinação das sombras negras no chão, já deve ter passado do meio dia, que normalmente era nessa hora que se começava os preparos para a Catchupa da noite
    Um Abraço com Recoradação

    ResponderEliminar
  3. Imagem real de tempos antigos. Curiosa a observação do Marcos Soares sobre a intensidade da luz e inclinação das sombras. Mas acho que não era uma hora muito depois do meio-dia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Queria dizer que o 2º período do dia já tinha avançado pelo menos umas três horas

      Eliminar
  4. Interessante é que para mim (vide texto/legenda da fotografia e o comentário do Valdemar)fotografias assim, quando não não legendadas, nunca as colocaria em S.Vicente, mais depressa "viajaria" até uma das ilhas rurais/agrícolas -S. Antão, S. Nicolau e outras mais - do que à ilha do Porto Grande. Mas afinal, «Praia de Bote» vem publicando textos/imagens que ilustram essa ruralidade mais vincada no antigamente de tão urbana ilha.

    ResponderEliminar
  5. Só que o nosso homem, pelos vistos, não era amante de cachupa mas sim da caça - às Tarambolas (Maçaricos) e Codornizes...Oxalá que tenha "apanhado" poucas - ou nenhumas!
    Braça cinegético
    Zito

    ResponderEliminar