quarta-feira, 5 de outubro de 2016

[2569] Ainda o comandante Daniel Duarte Silva

Daniel Duarte Silva
Quando há dias relembrámos o comandante Daniel Duarte Silva (ver AQUI), ainda não sabíamos que logo a seguir ao seu destacamento para o aviso "Afonso de Albuquerque", como comandante do navio, este iria fazer uma longa viagem até à Índia portuguesa. 

Aqui ficam algumas referências a essa viagem. Se viermos a descobrir mais, elas aparecerão no Praia de Bote. Eis então toda a sequência de notícias que desenterrámos do esquecimento nos últimos dias

23.9.1952
29.10.1952
4.11.1952
15.11.1952

2 comentários:

  1. Afinal, sempre houve mais do que um Vasco da Gama...
    Braça com gosto a caril
    Zito

    ResponderEliminar
  2. Sim senhor, foi uma longa viagem, daquelas que a minha costela de marinheiro (sabe-se lá porquê...) adoraria fazer. A mais longa que fiz foi do Tejo a Luanda e vice-versa.
    Engraçado, um dia fui pagar a renda da casa onde morávamos à residência do Dr. Adriano, que era o proprietário, e quem me atendeu foi este seu irmão, ao tempo já comodoro, segundo penso.

    ResponderEliminar