segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

[2835] Neste ano de Baltasar Lopes, apenas uma foto do ilustre, para manter a chama

3 comentários:

  1. Que bom ver nho Baltas! Quando foi meu professor era mais jovem.

    ResponderEliminar
  2. Baltasar Lopes, o Grande. Fincou os pés na terra e lutou contra as marés coloniais, formando uma juventude que mais tarde lutou para a Indepndência. Como ele dizia ele teria ficado como tranca de porta. E, apos a Independenca, com dignidade enfrentou o partido unico que ele nunca defenderia para a sua terra, depois de ter sofrido com o partido unico e colonial português. Este é o ano dos seus 110 anos e todos os cabo-verdianos de todas as classes teem a consciência que esta data merece ser comemorada dentro e fora de Cabo Verde, incluindo nas nossas diàsporas que ele sempre soube amar e respeitar o seu sacrificio por Cabo Verde.

    ResponderEliminar
  3. Pelo menos em duas das dez ilhas, que ele amou, nunca serà esquecido.
    Tive-o como professor (francês) e depois como examinador (francês e português).

    ResponderEliminar