quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

[3536] Zito Azevedo, em imagem e som

Já conhecíamos as mornas cantadas pelo Zito mas não este vídeo (sobretudo a imagem do então grande sport) que encontrámos no nosso contínuo sgroventanço, colocado no Youtube pelo Carlos Gonçalves, também ele homem da música cabo-verdiana e autor de livro básico sobre a mesma. Aqui fica ele então, no rescaldo da passagem do 1.º aniversário da partida do nosso amigo para o grande palco celeste.

2 comentários:

  1. Djack, linda e sentida homenagem! O teu "esgrovetanço" é imparável.

    Volto a lembrar estas palavras do sábio Santo Agostinho:

    "A morte não é nada.
    Apenas passei para o outro lado do caminho.

    Que meu nome se pronuncie em casa como sempre se pronunciou.
    Sem nenhum exagero, sem rosto de sombra.
    A vida continua significando o que significou.
    Continua sendo o que era.

    Não estou longe,
    somente estou do outro lado do caminho.
    Seca tuas lágrimas e, se me amas, não chores mais."

    (Santo Agostinho)

    ResponderEliminar