terça-feira, 23 de agosto de 2011

[0092] A horrível morte de Ruck na Matiota

(clique na imagem)
Em Outubro de 1932, o italiano Ruck, funcionário da Italcable, foi devorado por um tubarão na praia da Matiota. A notícia que aqui divulga a sua morte é de 10 de Novembro seguinte, do "Diário de Notícias" de New Bedford, EUA, que a recolhera do homónimo lisboeta. O drama ocorreu na hoje saudosa praia da Matiota, ela própria baptizada por tragédia que igualmente teve selo italiano, de barco naufragado.

Os comentários são desnecessários, excepto na chamada de atenção para a redacção do texto, extremamente visual, e no facto de este episódio ter ficado marcado na memória dos mindelenses como um dos mais terríveis pela sua violência, acontecidos na ilha.



(clique na imagem)

2 comentários:

  1. Sempre ouvi falar deste trágico episódio, mas só agora me é dada a possibilidade de ler a descrição dos factos tal como se passaram. E tudo graças ao Praia de Bote.
    Muitos não sabem o que perdem por não ancorarem nesta praia do nosso Mindelo. Bem haja o nosso querido Djack de Capitania.

    ResponderEliminar
  2. O meu pai estava presente naquele dia, junto com o doutor Daniel Tavares, em que o tuberao engoliu o RucK. Contou-me a historia dizendo-me que o tubarao, que era enorme, engoliu o Ruck em dois tempos e nao foi tao perto da praia mas quando o italiano fazia a travessia a partir dos escolhos, que ficavam à direita de quem olha para o mar, para a terra. Disse-me também que o tubarao que apanharam era mais pequeno do que aquele que ele tinha visto engolir o italiano. Tanto o meu pai como o doutor Daniel ficaram petrificados com a cena que presenciaram sem poder fazer nada.Fernando

    ResponderEliminar