sexta-feira, 1 de novembro de 2013

[0610] Pd'B em escrita cabo-verdiana acelerada, coloca duas fotos cheias de sabura e regressa em força, segunda ou terça

Foto José Carlos Marques - Rua de Praia, Casa Figueira e Mar Mimoso, o supermercado para todos... (Setembro.2013)
Foto José Carlos Marques - Rua de Praia, sede do Clube Sportivo Mindelense (Setembro.2013)

4 comentários:

  1. Calculo que o Mar Mimoso tenha a ver com o meu velho amigo Mário Mimoso e/ou seus descendentes...

    ResponderEliminar
  2. So vou falar do Mindelense, do mais prestigioso de S.Vicente, quiçà de Cabo Verde, clube de que nunca gostei, embora reconhecesse o seu valor e a sua popularidade. Ê que ganhava sempre a minha equipa e isso para um menino era (é) insuportàvel.
    Do Ship Shandler's e do comerciante Màrio Mimoso prefiro esperar os meus amigos Luiz Silva e Adriano M.Lima.

    ResponderEliminar
  3. Eu era e sou do Mindelense, que é a versão cabo-verdiana do meu Benfica, ou era pelo menos nos tempos idos em que se jogava por amor à camisola. E por falar nisso, ou seja, desses dois clubes, estive ontem a falar com o Totói Mãozinha, meu vizinho em Tomar, antigo jogador do Mindelense, e benfiquista também como eu. O Totói vai bem e é muito querido em Tomar, sendo considerado o Eusébio do União de Tomar, onde não deixou os seus créditos futebolísticos por mãos alheias.
    Quanto às fotos aqui postadas, a primeira, a da Casa Figueira, mostra o sobrado que me inspirou um poema na rua da Praia que intitulei Violão Enfeitiçado. Mas também faz-me lembrar o sobrado da minha casa onde dormia com os meus irmãos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro Adriano, eu creio que os fundadores do Mindelense eram, todos, Sportinguistas...Daí, o Leão Rampante no escudo...(Sorriso maroto...)

      Eliminar