segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

[0647] Para a história do Eden Park e do cinema em Santo Antão

Eden Park - Foto José Carlos Marques
Pede-nos em comentário ao post anterior o nosso amigo e colaborador José Fortes Lopes "uma história de filmes de Eden Park para recordar". Ora como no Praia de Bote há tudo (ou quase tudo) sobre São Vicente e Cabo Verde, ela aqui vai, para que os cegos vejam que o Eden Park tem uma história rica e longa e que sem as paredes dele ela ficará bem mais pobre. Trata-se de uma notícia de 1927, quando o cinema já estava enraizado na nossa ilha e dava os primeiros passos na ilha irmã, Santo Antão.


3 comentários:

  1. É mesmo isso Djack. Praia de Bote foi buscar ao baú estas peças de história a conservar em museu.
    Está aqui patente o papel do Eden Park na vida cultural do arquipélago no início deste século e não era pouco dadas as condições da época. Do Eden park Para s. Antão (muito mais seguiam para Praia, as pessoas hoje nem imaginam) Vou colocar este post no facebook para convencer fariseus desta realidade.

    ResponderEliminar
  2. O Eden Park data de 1922 e isto é uma de 1927. Queremos mais, tudo quanto possivel.
    Esta noticia deve fazer prazer a um dos filhos do Maestro Jacinto Estrela, Celso, e da sua Esposa, minha prima Zilda, residentes na Ilha do Sal.
    Digo isto porque os descendentes do Maestro não conseguiram recuperar os Arquivos do que foi funcionàrio, mùsico, jornalista, fotografo e tudo quanto pode ser (fazer) um "buldonhe" como ele foi numa terra como a que onde viveu.
    Braça e obrigado pelo que me toca, como admirador

    ResponderEliminar
  3. Muito interesse tem efectivamente este desenterrar de coisas antigas. O Eden Park foi grande demais para merecer o triste destino que está a ter.

    ResponderEliminar