quinta-feira, 17 de abril de 2014

[0824] Na Torre de Belém do Mindelo: o pessoal do Museu do Mar e outras figuras - VER POST ANTERIOR SOBRE O MUSEU DO MAR












A jovem equipa do Museu do Mar, da qual se espera um bom trabalho e a necessária dedicação, perante a grande tarefa de preservar e dar a conhecer a Cabo Verde e ao Mundo a gloriosa gesta dos marinheiros e navios das ilhas.

Foto de autor desconhecido, de ontem, dia da inauguração do Museu do Mar de São Vicente - Em cima, de branco, o ministro da Cultura, Dr. Mário Lúcio; a seu lado, o presidente da Câmara Municipal de São Vicente, Dr. Augusto Neves; o primeiro em baixo, à esquerda, o jornalista Odair "Dai" Varela. 

1 comentário:

  1. Só conheço, e apenas de nome, os dois titulares de cargo público mencionados.
    O Ministro da Cultura foi nos últimos tempos atacado, e com razão, por causa de uma certa e determinada orientação por ele dada à cultura do país, por excessiva colagem à política etnocêntrica do seu Governo, que privilegia a vertente cultural santiaguense em todas as suas manifestações, principalmente na música e no folclore. Como estou longe, não posso pronunciar-me com conhecimento de causa sobre a razoabilidade das críticas que lhe foram feitas. O que eu gostaria de enaltecer, aqui e agora, são duas medidas tomadas pelo seu ministério que são favoráveis a S. Vicente, e implicitamente ao Barlavento. Consistem elas na criação da Curadoria da cidade do Mindelo e, agora, deste Museu do Mar. Bem-haja por isso, Senhor Ministro. Exorto-o a olhar com a atenção merecida a preservação de tudo o que em S. Vicente existe de válido e grandioso como património material e imaterial. Não se esqueça de que em matéria de cultura não é o factor demográfico o único que pesa e prepondera. Em cultura, a expressão da criatividade humana não é apenas aferível pela quantidade, mas sobretudo pela força impulsionadora do que faz diferença pela sua qualidade intrínseca e por isso marca indelevelmente a História das sociedades humanas

    ResponderEliminar