sábado, 2 de janeiro de 2016

[1778] Zinha Évora, a locutora principal da nova "Rádio Regional de São Vicente Arrozcatum"

Zinha de nhô Toi Évora - Foto de ontem
Dado que o blogue Arrozcatum se vai transformar muito em breve na Rádio Regional de São Vicente Arrozcatum, divulgamos aqui esta fotografia alusiva que o amigo e radialista Zito Azevedo, seu proprietário e mentor, nos enviou.

Trata-se de Zinha de nhô Tói Évora, pequena que trabalhava até agora como cabeleireira em Fonte Francês, aquela que será a locutora principal da nova estação. 

Percebe-se de facto o bom gosto do proprietário da nova radio broadcast de São Vicente mas parece-nos que as emissões serão interrompidas com frequência, não por falhas no equipamento electrónico mas por invasões sucessivas das instalações por sports da Rua de Lisboa que em vez de fcá ta pli squina tentarão a sua sorte com a Zinha. Veremos... 

Ver comentários colocados no Arrozcatum, AQUI


6 comentários:

  1. Djack es locutora eh apetitosa: quem de nós a merece, terá que ser o mais sport ou o mai esperto na conquista. Ah Ah AH. Começamos o ano bem disposto

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ela já começou a dar problemas ao Zito. Vai ver o que aconteceu, já está no Arrozcatum, pancadaria entre dois funcionários, ambos no Hospital Baptista de Sousa...

      Eliminar
  2. Este pequeno texto está saboroso! O bom humor do Joaquim Djack é contagiante. Fartei-me de rir. A jovem "Locutora" é mesmo gira! E fica bem como colaboradora do nosso Zito.

    Abraços
    Ondina

    ResponderEliminar
  3. Infelizmente, já há pouca camioneta para tanta areia...De resto, devo aproveitar este ensejo para negar veementemente a transformação do AcA em estação de rádio e muito mais a contratação deste reclamo às meias de nylon,coisa que a Maiúca nunca permitiria...
    Braça sorridente,
    Zito

    ResponderEliminar
  4. E não é que esta Zinha é parecida com uma Zinha que foi minha vizinha? Mas, pronto, o Zito já não tem mais preocupações. Dizem que um "mandrongo" andou a arrastar a asa junto dela e levou-a para Portugal. Os mindelenses ficaram a chuchar no dedo. Esse "mandrongo" tinha acabado de montar uma padaria na Fonte Filipe e aquilo estava a ter grande sucesso, porque conseguiu recriar a verdadeira bolacha que antigamente dava pelo nome de barão. Por isso, toda a gente ficou espantada, intrigada como a paixão faz com que se abandone um negócio que estava a ser lucrativo. Parece que o casal está a viver lá para os lados de Pombal.

    ResponderEliminar
  5. Digam o que quizerem sobre esta Zinha, bonitinha, que, como pessoa, deve ser tamboa boazinha. Falam à vontade porque não é a Zinha filha do Nhô Damatinha. Este tinha tiradas famosas quando falava de (ou para) a filha do mesmo nome. A frase mais acessivel é "bocês bà ta oià paquem là bocês ca ta pô mom", nem m...."

    ResponderEliminar