domingo, 15 de maio de 2016

[2178] Mistério gráfico 1: "Chiquinho", entre o azul e o verde. Resolvido!

Em época de "Chiquinho", resolvemos pôr os pontos nos ii e arrumar um assunto que parece complicado mas que afinal nem de perto nem de longe o é. Trata-se da diferença de cores de capas da 2.ª e da 3.ª edições do romance de Baltasar Lopes, ambas da PRELO, Sociedade Gráfica Editorial, Lda., de Lisboa A ilustração é a mesma, da autoria de António Domingues, artista de origem africana cujo historial tem algumas parecenças com as vivências cabo-verdianas de diáspora. Ver a biografia do autor e a de seu pai, AQUI e AQUI. Ora se por um lado a ilustração da 2.ª edição (1961) tem cor predominante azul, a da 3.ª (1970) ter cor principal verde. E isso já produziu algumas confusões, incluindo... nossas.

Aqui ficam então ambas, a 2.ª que já temos e a 3.ª que vem a caminho e nos chegará em breve. Prometemos fotografar os dois livros juntos e ao vivo, assim que o segundo nos chegue, lá para terça ou quarta-feira. Por agora, a foto da 2.ª edição é nossa e a da  3.ª é da Internet.

2.ª  edição (azul, 1961) e 3.ª edição (verde, 1970)

Sem comentários:

Enviar um comentário